[RESENHA] “DOIS A DOIS” DE NICHOLAS SPARKS

 

“Dois a Dois” é um livro escrito por um dos melhores autores de romance da atualidade, Nicholas Sparks, que mais uma vez nos traz um turbilhão de emoções.

 

“Dois a dois” nos conta a linda história de superação de Russel Green, um homem que aparentemente tem a vida perfeita, uma esposa que o ama, uma linda filha de seis anos chamada London, uma casa boa, uma família típica americana, uma carreira bem sucedida, e além de tudo, Russ é um homem gentil, educado e um pai maravilhoso.

 O Livro começa com Russ narrando o nascimento de sua filha, contando a trajetória de London nos fazendo se apaixonar por uma menina que apesar da pouca é bem sábia. “Dois a Dois” gira entre entorno de London e Russ.

Logo após sua esposa Vivian engravidar, ela decide deixar sua carreira de Relações Públicas de lado, focando apenas na criação de sua filha. E é aí que os problemas começam a surgir. Sem a renda de Vivian o casal passa por um corte de despesas, mas sua esposa não é nada econômica. Russ é formado em administração, mas dá duro em uma agência publicidade que nos últimos tempos tem lhe dado dor de cabeça. Com isso, decide jogar tudo para o alto e abrir sua própria agência de publicidade, mas infelizmente o começo dos negócios não é nada bom. Vivian se vê sem saída, e após seis anos resolve voltar para o mercado de trabalho jogando toda a responsabilidades de London em cima de Russ.

Russ fica perdido, em questão de meses sua vida mudou. Vivian mal para em casa por conta do seu novo emprego, está sem clientes em sua agência e com a missão de cuidar de London o dia inteiro.

Acompanhamos de camarote Russ se virando nos trinta, aprendendo a lidar com sua filha, criando uma conexão incrível entre eles, vemos London se apegar ao pai de uma forma que ninguém imaginou, causando uma raiva na egoísta da Vivian que sente ciúmes da relação entre um pai e uma filha. Todas as noites Russ lê para London seu livro preferido “Dois a dois”, nos fazendo entender que juntos, sendo apoio um do outro, a força e a fonte do amor dois a dois conseguem qualquer coisa.

Nicholas Sparks não poupa sentimentos em “Dois a Dois”, nos faz chorar com Russ ao se identificar com suas dores, rimos das piadas inocentes de London, passamos raiva com a forma que Vivian se vitimiza e como Russ não se impõe, mas acima de tudo nos apaixonamos por cada página do livro.

Livro:

Russ e London brincando. Pai e filha. Dois a dois“Dois a Dois”

 Nicholas Sparks 

Editora: Arqueiro

Ano: 2016

512 páginas

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima
0 Compart.
Twittar
Compartilhar
Compartilhar
Pin