QUEM É VOCÊ ALASCA?: RESENHA DA OBRA DE JOHN GREEN

Quem é você Alasca? Um mergulho no enigmático livro de John Green, da famosa frase “Se as pessoas fossem chuva, eu era garoa e ela um furacão”.

banner-quem-é-voce-alasca

Quem é você Alasca? é um dos livros mais conhecidos do autor John Green. A história tem como protagonista Miles Halter, um adolescente que tem como hobbie descobrir as últimas palavras de pessoas que marcaram, de alguma forma, o mundo em que vivemos.

Esse hábito excêntrico do personagem, já revela ao leitor alguns traços de sua personalidade – introvertido -, característica que o impulsiona para uma mudança de vida, a ida para o internato Culver Creek, em busca do seu “Grande Talvez” – denominação marcante na obra Quem é você Alasca, que Miles usa para se referir a incerteza do futuro, que pode fazer todo o presente e passado ter valido a pena. Ao chegar no internato em que parte de sua família estudou, localizado no Alabama, o jovem enfrenta muito mais do que a adaptação ao calor abafado do Estado, mas também, a socialização com os novos colegas.

Miles, faz amizades que logo o apelidam carinhosamente de “gordo” – uma ironia à sua magreza. Seu grupo de amizade é composto pelo seu amigo de quarto, Chip – mais conhecido como “Coronel” -, o Takumi, a Lara e a Alasca, por quem o protagonista se apaixona. Estes são fundamentais para alavancar a vida monótona de Miles, que durante esse ano letivo vive experiências jamais imaginadas pelo mesmo, como passar trote nos colegas, fumar e beber e, principalmente, amar alguém. 

A sensação que fica para quem está lendo Quem é Você Alasca? é de que voltou para a época do ensino médio, com acontecimentos que parecem ser o fim do mundo quando se é adolescente, desilusões amorosas, dúvidas sobre o futuro, insegurança em relação ao próprio corpo e, sobretudo, o auto-perdão. Tudo isso, é contado de forma divertida e que te prende na narrativa – apesar de que no final, parece que o autor, John Green, ficou nos enrolando para concluir a história. 

Um ponto muito importante em Quem é você Alasca? é a personalidade forte de Alasca, uma garota muito bonita, com vários admiradores no colégio, que vive tudo de forma muito intensa e, muitas, imprudentemente, daí a frase marcante de Miles – “Se as pessoas fossem chuva, eu era garoa e ela um furacão.” Essa forma que ela leva a vida é totalmente diferente da maneira que o protagonista enxerga as coisas e contribui bastante para uma troca de ideia entre ambos, favorecendo o crescimento pessoal deles.

A única peculiaridade que os dois tinham em comum e o que promove um forte laço entre eles é o gosto pela literatura, principalmente as últimas palavras de Simón Bolívar, presente no último livro que, ironicamente, Alasca lê – “Como sairei deste labirinto?”. A frase , em questão, causa muita indagação entre esses dois personagens, principalmente em Alasca, que interpreta a frase como uma repetitividade que o ser humano realiza em projetar melhorias em sua vida no futuro – que é incerto – enquanto se contenta com a realidade ruim que vive diariamente no presente. 

O que pode-se levar como lição de Quem é você Alasca é o ensinamento que a marcante, intensa e enigmática Alasca deixa para os leitores: Viva o presente de forma única, como se não fosse existir o amanhã! E se algo está te fazendo mal no presente, busque o “Grande Talvez”, por mais incerto que ele seja, mas não se acomode. 

 

 

Livro:

comum-quem-é-voce-alasca

Quem é Você, Alasca?
John Green
Editora Intríseca
336 páginas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima
0 Compart.
Twittar
Compartilhar
Compartilhar
Pin