LIVRO: O BAZAR DOS SONHOS RUINS DE STEPHEN KING

O Livro: O Bazar dos Sonhos Ruins é um dos principais livros de contos que você deve ler se quiser se aventurar pelo universo de Stephen King

banner-bazar-dos-sonhos-ruins

Por: Gabriel Benzi. O livro: O Bazar dos Sonhos Ruins é um convite à entrar na cabeça de seu autor. Notório contador de histórias, Stephen King nos presenteia com um apanhado de 20 contos, em que o “terror” e o “humor” clássicos do autor dão as mãos e trazem uma experiência única, não só nas histórias, mas também na mente do escritor.

Um dos principais pontos a se destacar da obra, é a forma que ela se torna envolvente e ao terminar um conto você sai com um gosto de quero mais. Antes de cada história, Stephen King conta um pouco sobre como surgiu a ideia na cabeça dele, quando foi escrita e nesses momentos, entramos juntos na cabeça do autor e damos um passo importante para entender o conto que está por vir. Com uma variedade grande contos, desde já publicados, inéditos e até um sobre “kindle” feito em parceria com a Amazon, os contos envolvem e podem servir como porta para livros mais densos e aprofundados do autor. 

Opinião:

O destaque da obra fica para o poder de transformar assuntos banais e coisas cotidianas em absurdos e coisas aterrorizantes. O carro chefe da obra é o conto “Milha 81”, conta a história de uma criança de 10 anos, Pete Simmons, que se perdeu em uma área de descanso abandona e se depara com uma carro “monstro”. Parece tosco, mas se não parecesse não estaríamos falando de King. Outro conto que me chamou muita atenção e merece um destaque é “A Duna”, que narra uma conversa de um ex-juiz de 90 anos conversando com seu advogado sobre seu testamento. Nessa conversa o senhor abre para seu advogado seu maior segredo: uma ligação nada usual com uma ilha, que tem características muito peculiares, por assim dizer. 

Mesmo assim, como sempre é dito, alguns contos parecem não terem sido de fato finalizados, com finais que pouco afirmam. Essa característica, recorrente, se vale apenas em um conto, ao meu ver. “Vida Após a Morte” se vale na reflexão do que podemos ou não encontrar quando, de fato, morremos. Em meio a bate-papos mais arrastados se faz aparecer uma reflexão muito mais profunda e interessante que o enredo em si, fazendo deixar o final do conto de lado. 

Poderíamos falar muito mais sobre cada conto desse livro: O Bazar dos Sonhos Ruins, mas a experiência de ler essa obra é que, a cada conto você abre uma caixa de surpresas nova, sem saber o que esperar em um universo completamente diferente do anterior. 

 

 

Livro:

comum-bazar-dos-sonhos-ruins

O Bazar dos Sonhos Ruins (The Bazaar of Bad Dreams)

Stephen King
Editora Suma de Letras
528 páginas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima
0 Compart.
Twittar
Compartilhar
Compartilhar
Pin