O livro “Assassinato no Expresso do Oriente” lançado em 4 de novembro de 1933, é um clássico romance policial de Agatha Christie, sendo um dos livros mais conhecidos da autora, com mais de 3 milhões de cópias vendidas.

 

A História

O livro retrata mais um caso investigado pelo belga Hercule Poirot, um detetive particular meticuloso, renomado e famoso pela resolução de vários casos complexos. O detetive passava sua temporada de férias em Bagdá, quando sua presença é requisitada com urgência em Londres devido a um novo caso. Para fazer tal viajem o detetive pega o trem Expresso do Oriente, que geralmente é vazio no inverno, porém desta vez especificamente o trem está lotado e o detetive só consegue uma passagem para Londres devido a sua amizade com o Administrador do trem. A bordo do Expresso do Oriente podem se observar passageiros bem distintos, cada um com a sua peculiaridade, deixando a narrativa mais intrigante, divertida e com um toque de mistério.

 

“Ao nosso redor, há pessoas de todas as classes, nacionalidades e de todas as idades. Por três dias, essas pessoas, estranhas entre si, são reunidas num só lugar. Comem e dormem sob o mesmo teto, não podem fugir umas das outras.”

Foto do livro ” Assassinato no Expresso do Oriente”

Uma grande nevasca se aproxima e o trem é obrigado a interromper seu trajeto até a tempestade passar. Durante a noite, Poirot acorda com um barulho vindo da cabine ao lado da sua, ocupada pelo Mr. Ratchett. O belga resolve checar se algo tinha acontecido, mas o homem responde que tinha apenas cometido um erro. Na noite seguinte os passageiros do trem recebem a terrível notícia de que Mr. Ratchett havia sido assassinado por doze facadas enquanto dormia. Como um bom detetive, Poirot começa a investigar o acontecido, pois como o trem estava parado o assassino estava entre os passageiros.

A narrativa gira em torno do detetive Hercule Poirot investigando pistas da cabine, entrevistando e coletando depoimentos cada passageiro do trem, afinal, cada pista mesmo que aparentemente insignificante pode ser a chave para a resolução do caso,  as pistas são confusas e apontam caminhos diferentes para descobrir que foi o assassino. A história instiga o leitor a tentar resolver o mistério junto ao detetive.

Sobre a Autora

Agatha Mary Clarissa Miller, conhecida como Agatha Christie, foi uma escritora britânica que nasceu em 15 de setembro de 1890 e faleceu em12 de janeiro de 1976. Escreveu 93 livros e 17 peças teatrais, sendo conhecida principalmente por seus romances policiais.

Em 1917 Christie escreveu seu primeiro livro, “O Misterioso Caso de Styles”. A narrativa se passa em uma mansão inglesa  cuja proprietária é encontrada morta em seu leito, vítima de envenenamento. Ela foi a criadora do detetive calculista Hercule Poirot, presente em 40 livros de Christie, e a detetive inglesa Miss Marple, presente em 14 livros.

A ” Rainha so Crime” é uma das autoras mais publicadas da história, são mais de quatro bilhões de exemplares vendidos e traduções em 100 idiomas pelo mundo.

 

Foto da autora Agatha Christie

Para mais resenhas como essa acesse o nosso canal do YouTube:  Meu Catálogo de Livros 

Ou acesse o site: meucatalogodelivros.com.br

Maíra Rosa Rêgo Santos

Resenha em vídeo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rolar para cima
0 Compart.
Twittar
Compartilhar
Compartilhar
Pin